sábado, 28 de novembro de 2009

Posso?


Olhei para um lado e para o outro e só vi tristeza.Se há uma coisa no mundo que eu acho que alegra uma pessoa, essa coisa é uma estrela.Sério.
Por isso, procurei na multidão.Alguém que fosse diferente dos demais.Alguém especial.
Não demorou muito, eu achei.Um par de olhos castanhos na multidão.Um par de olhos especiais.Perteciam a um menino loiro, chorante.Me aproximei dele e perguntei:
-Posso ser sua estrela?
Naquela noite, um menino parecido com o especial, viu uma estrela se mover no céu.Ele estranhou, porque a estrela não descia, subia.
Era eu e meu amor, subindo para o céu, traçando nosso caminho.
Eu e meu amor, trazendo um sorriso para alguém.

2 afogaram seus delírios junto comigo:

# Louis disse...

Own que lindo. eu quero uma estrela! O seu brilho me guiaria. e todas as noites ela estaria lá. e quando viesse a chuva eu rezaria pra que ela brilhasse tão forte pra eu sempre poder vê-la!

Fernanda C. disse...

Nossa Mari, que lindo! Seja quem for esse garoto, ele teve a visão mais incrível do mundo, porque não tem nada comparado a uma estrela e principalmente quando essa estrela significa um amor tão forte. Parabéns amiga.