domingo, 4 de abril de 2010

Mundo imperfeito, não castigue a ela, castigue a mim!


Eu choro por ela.
Sim, eu queria que ela me contasse mais, me incluisse mais, mas por mais parecidas que possamos ser, somos completamente diferentes - ela vive em um mundo e eu em outro.
Falamos das mesmas coisas, gostamos das mesmas coisas e até escrevemos de forma parecida, mas alguma coisa nos torna distantes.
Enfim, ela representa uma grande amiga pra mim.E sei extamente o que ela está passando.
Eu sei o que é ser rejeitada, embora tenha tentado esquecer, e sei o que é tentar passar o amor para trás.Não que ela tenha desistido, não, ela não é dessas que desiste fácil.Mas ela tenta se distrair com outros.
Acho que não dá certo.Especialmente com ele ali do lado, para lembrar sempre a ela que o ama.
Eu queria poder ajudar, mas já disse, somos tão distantes...
Então só me resta desejar a ela um alegre fim.
E chorar por ela.

Chorar por ela as lágrimas que ela não é capaz de chorar.

3 afogaram seus delírios junto comigo:

@l.a disse...

disse tudo !

Kaio Rafael, disse...

eu, até esse instante, nunca tinha pensado em chorar pelo sofrimento de um amigo...

ainda tô digerindo a ideia,
me parece tão lindo

*~A Mel_ disse...

Oiee

Bem Interessante a postagem.. ^^
gostei do teu blog tbm! bjão!

Dpois da uma passada no meu?

xaau .-.